Este blogue não adoPtou o novo acordo ortográfico.

quarta-feira, 14 de maio de 2008

As lagartas alentejanas II

Hilariante ver as reacções das pessoas, à medida que eu passava por elas, transportando os bichos da seda numa gaiola transparente, própria para transportar pequenos animais de estimação!!
Desde a cara intrigante, ao autêntico susto e expressões de horror!!!
E eu rindo de tudo aquilo.
Deveriam pensar que eu tinha saído do Hospital Júlio de Matos, com certeza!
Decididamente, não sou mesmo deste planeta!
Hum hum!

7 comentários:

Lou Mello disse...

Os alentejanos são como os tibetanos. Não buscam crescer, vencer e esses estereótipos tolos. Admiram as pessoas que desejam anular seus egos.

Fa menor disse...

Muito bem!
Essas lagartas devem ser demais!
Eu também gostava de ver...
as lagartas
e a minha cara...
nunca vi nenhumas :(

Bijinho

Vilma disse...

Fá: Então para ti, vou tirar uma foto das ditas e coloco aqui para as veres... antes da metamorfose! :))
Ehehehe

Fa menor disse...

Ok,
Vou espreitando por cá!

Ghernandes disse...

lagartas de estimação??
Exotico heim rs
Deus abençoe
www.thepescador.blogspot.com

Viviana disse...

Olá Vilma!

Que saudades que eu tenho das lagartas da seda da minha infância!

Lembro-me que habitavam uma caixa de sapatos branca e que era na amoreira da escola primária que trazia as folhas para as alimentar!

Um abraço e um bom dia.
Viviana

O Profeta disse...

Solta nota de uma flauta
Um retrato preso à mão
Um tambor fora do compasso
Segue o bater de coração


Convido-te a partilhar as emoções
Deixadas pelos ponteiros de um relógio…


Doce beijo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...