Este blogue não adoPtou o novo acordo ortográfico.

sábado, 11 de fevereiro de 2006

A criação geme!

Hoje vi as primeiras andorinhas. Supreendi-me, pois ainda é tão cedo.

No entanto, reparo que de ano para ano, elas chegam cada vez mais cedo.

O ano passado chegaram a 25 de Fevereiro, conforme registei aqui.

Apesar de ficar feliz por ter de novo estas amigas que eu tanto gosto, penso no que isso significa:

A natureza geme! Toda a criação anda desnorteada!

As aves fazem as suas migrações fora de tempo, o clima anda alterado, as baleias dão às costas para tirarem a própria vida, etc, etc..

Diariamente vimos na televisão imagens de como todo o planeta geme de dor.

E o ser humano é o grande responsável por tudo isso. O progresso tem o seu lado bom, mas as consequeências sem medida são bem visíveis.

Como conhecedor do bem e do mal, o homem tem feito tanto bem como mal.

E fica claro na minha mente as palavras de Paulo, aos Romanos, que são tão evidentes nos nosso dias e cada vez mais:
"Porque toda a criação espera com ardente esperança por esse dia futuro em que Deus ressuscitará os seus filhos. (...) Porque sabemos que mesmo as coisas da natureza esperam esse tão grande acontecimento, como se estivesse com dores de parto."
Romanos 8:18-23
Versão O Livro

As dores das contracções já começaram. Uma mulher sabe que quando elas se iniciam, não há como voltar atrás. E cada vez serão mais e mais intensas ... até o nascimento do seu bebé!

E também nós, aguardamos com ansiosa expectativa e esperança, esse dia tão esperado, em que Deus finalmente restaurará toda a Sua criação.

A esperança significa contar obter algo que ainda não temos. Uma pessoa que obteve já o que pretendia não necessita de ter esperança nessa coisa. Mas quando esperamos o que ainda não temos, esperamo-lo com paciência e confiança.

Romanos 8:25

10 comentários:

Vitor Mota disse...

Ainda não as vi. Que bom é morar no campo! Também cresci a vê-las ir e voltar para fazerem os seus ninhos nos locais mais diversos.
Sim, o que será da Criação!? Esperemos pois, em Deus.

Dulce disse...

Apesar das dores de parto que ninguém deseja, acho eu, também espero ardentemente que Deus nos resgate e nos abrace de novo...

Ana disse...

Sabes uma coisa que me esqueço por vezes? é da vinda do Senhor... devemos viver ansiosos por esse dia e às vezes isso passa-me ao lado! As dores de parto que falas é algo que não tenho noção de como será... mas descansamos nas mãos santas do nosso Deus ne? :p

Jasmim disse...

Anda tanta coisa fora do seu devido "sítio" é bem verdade.

Espero que a Toty esteja melhor!!

Um beijinho para as duas.

Pdivulg disse...

"A natureza geme! Toda a criação anda desnorteada!" Isto é um pouco assutador...

Vilma disse...

Pdivulg: Tens razão! Do ponto de vista "horizontal" assusta-nos observar tudo isso; mas num plano "vertical", ansiamos com esperança pelo dia em que Deus finalmente, restaurará tudo como desde sempre planeou e criou! :)

Ego ipse disse...

Amen! Ora vem Senhor Jesus

Vítor Mácula disse...

Cara Vilma.

Bolas, que interpelação!

Teremos talvez de convir que a acção da humanidade no pedaço de Criação que tem à mão é ligeiramente abortiva... ou talvez faça parte das contracções todo este despaupério social e ecológico em que vivemos... mas que interpelação a tua!...

Enfim, o que nos vale é que é Ele que preside à Sua obra, em última e primeira instância... Nós andamos pelos meios ;)

Um abraço.

Caros Amigos disse...

Então o mundo está com as dores de parto?!
Esperemos que daí saia algo de bom para a humanidade e não a desgraça sem fim.

Ver para crer disse...

Não há como ver para crer!
Achas mesmo queisto está a dar o berro final?!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...