Este blogue não adoPtou o novo acordo ortográfico.

sexta-feira, 24 de março de 2006

O combustível do homem!

A felicidade que Deus destinou às suas criaturas superiores é a felicidade de estarem livre e voluntariamente unidas a ele e umas às outras, num êxtase de amor e alegria (...)
Deus criou-nos da mesma maneira como o homem inventou o motor. Ora, um automóvel feito para andar com gasolina, não andará bem com nenhum outro combustível; e Deus projectou a máquina humana para andar à base dele mesmo.
Ele é o combustível que o nosso espírito foi projectado para queimar, o alimento que fomos feitos para consumir; não há nenhum outro.
É por isso que não adianta pedir a Deus que nos deixe ser felizes à nossa maneira, sem termos de nos preocupar com "religião". Deus não nos pode dar uma felicidade e uma paz independentes dele, simplesmente porque não existem. Não há sucedâneos para ele.
C.S. Lewis - Cristianismo puro e simples - ABU Editora - 1989 pag.27

4 comentários:

jc disse...

C.S. Lewis é um dos meus escritores cristãos favoritos...

É profundo e tem uma escrita forte!

Prefiro ler em inglês, pois a traduções para português (brasileiro...) não são grande coisa...

Paula disse...

O teu texto fez-me sorrir... simples e tão profundo.
Não podemos ser verdadeiramente completos sem a presença de Deus.

Tinoca Laroca disse...

Só com Ele psomos completos... simplesmente porque não somos nada sem o Criador!
Bjs.
T.

Margarida Atheling disse...

Tão claro, não é? :)

Muitos beijinhos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...