Este blogue não adoPtou o novo acordo ortográfico.

terça-feira, 28 de dezembro de 2004

Ver para além dos nossos olhos...

Ao ver na televisão as imagens da tragédia na Ásia, não posso deixar de chorar com as mães, pais, filhos que perderam os seus queridos. É uma dor que nem posso imaginar. Desejo nunca ter que a sentir, na verdade.
No entanto, como crente que sou em Deus e na imensidão do Seu amor, eu não O questiono. Confio.
Sei que nem sempre é fácil ver o amor de Deus em situações como estas. Até é mais fácil acusar Deus de tamanho desastre. Mas eu consigo ver o Seu amor, apesar de tudo.
Apesar da dor, do sofrimento, da morte, consigo ver a Sua misericórdia, livrando muitos de coisas que nós não vemos, numa dimensão que não alcançamos... ainda.
C. S. Lewis já dizia que "o sofrimento é o megafone de Deus". Nós não conseguimos explicar o sofrimento, suas causas, seus porquês. O que posso dizer, é que Deus não está distante e que um dia, nos será revelado a razão de tanta coisa neste mundo, que agora vemos numa perspectiva horizontal. Deus vê numa outra dimensão e numa perspectiva eterna. Aquilo que para nós muitas vezes parece perda, é ganho no reino de Deus.
Por isso, apesar desta tragédia, eu não questiono Deus. Confio! Porque Deus também chora com todo aquele povo nesta hora, mas Ele promete, em Apocalipse 21 que "...enxugará todas as lágrimas dos nossos olhos e já não haverá mais morte, nem luto, nem pranto, nem dor. Tudo isto desapareceu."
Assim será, porque Ele é a verdade!

3 comentários:

Anónimo disse...

È de facto muito dificil vermos o sofrimento de mães que perdem filhos e ficar indiferente, mas só nos resta mesmo confiar, pois para tudo neste mundo Deus tem um propósito que por vezes não entendemos mas temos que aceitar.

eu disse...

Às vezes, minha querida, é difícil acreditar...

rhhu disse...

E não é Deus que decide:" Bem, hoje apetece-me um abalozito de terras!"; é a nossa transformação e a forma como usamos (e abusamos) o planeta que tem consequências inesperadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...