Este blogue não adoPtou o novo acordo ortográfico.

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

O poder das nossas palavras



Quando visualizei este vídeo, fiquei um pouco perturbada.
Percebi em como as palavras que profiro podem ser leves e edificadoras, mas também terem o poder destrutivo de uma tempestade.
Por maneira de ser, procuro dizer as coisas, mesmo menos agradáveis, de forma mais gentil.
No entanto, reconheço que muitas e muitas vezes, tenho ferido e machucado outros, com palavras mais duras e ditas de maneira menos sensível.
Tenho ganho muito mais quando prefiro silenciar ou esperar, antes de dizer alguma palavra ruim.
Churchill já dizia que "Engolir as palavras más que não se dizem, nunca fez mal a ninguém."
E eu concordo.
Quando as nossas palavras não são ditas com o intuito de edificar ou fazer mudar algo para melhor, como o caso de uma crítica construtiva, mais vale engoli-las.
Usar as palavras para produzir escuridão a outro, em vez de luz, não traz qualquer benefício.
Podemos ser assassinos sim, com as nossas palavras e o uso delas.
Com elas, podemos destruir sonhos, vidas, quebrar relacionamentos, reputações.
Há que saber ter a sabedoria de saber como usar este orgão, que é a língua.
Porque ela apenas solta o que vai dentro do coração.
E o efeito delas, muitas vezes, não tem reparação.
Somente pelo poder e graça de Deus será possível.

6 comentários:

gisela disse...

as vezes precisamos dizer o que sentimos, é que por vezes é msm uma grande necessidade.bjs

gisela disse...

mas realmente o video mostra que há coisas msm mas q podem destruir alguém

CrisR disse...

Eu nem quero falar nisso! Nos ultimos anos tenho percebido que digo muita coisa pela boca fora sem pensar nas consequências.

Anónimo disse...

as palavras a mais das vezes são terríveis. Há que saber usá-las, como em tudo na vida. Quando bem utilizadas, podem ser belas.

Convido-a a visitar a minha galeria de trabalhos em www.isamar-meustrabalhos.blogspot.com que ainda está no início.
Obrigado

Lou Mello disse...

Sem dúvida, as palavras podem machucar muito. Por outro lado, cada um é responsável por si mesmo e compete a nós gerenciar o que ouvimos e decidir como as palavras ouvidas poderão nos afetar. Mas não é tarefa fácil.

Achologia disse...

Olá Vilma! Por favor, atualize o endereço do meu blog em seus links.

http://achologia.blogspot.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...