Este blogue não adoPtou o novo acordo ortográfico.

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Antes no deserto ... ou no carro!

Todos os dias, quando vou buscar a minha filha à escola ao fim da tarde, passo por um carro, onde se encontra um homem idoso, lendo o seu jornal.
Todos os dias o homem lá está dentro da viatura!
E sempre que o vejo, penso:
O que leva um homem sair do conforto da sua casa, para se meter dentro de um carro, em dias tão frios, a ler o jornal?
Ocorre-me sempre a velha, mas sempre actual sabedoria do livro de Provérbios, que fala o seguinte:


Ora, não sendo possível ao senhor ir para o deserto e não tendo um sótão para fugir, refugia-se na sua viatura, ainda que geladinha e apertadinha.
Até pode não ser essa a razão, mas a verdade é que, quando vejo homens a ler o jornal dentro do carro, é quase sempre o que me ocorre: ter em casa uma mulher maravilhosa ... ou não!


10 comentários:

Páginas com sentimento disse...

Ao ler isto lembrei-me também de um senhor que via muitas vezes ao ir para o trabalho, que estava dentro do carro lá num estacionamento, a ler. Até que me disseram o que ele tanto lia (ou via) todos os dias dentro do carro. Não eram as notícias. Eram coisas menos impróprias...E na manhã seguinte, ali estava ele outra vez.
DEpois desapareceu...

bete disse...

Esse versículo vale para homem ou mulher, ou seja, má companhia é de amargar. Eu passei por uma péssima experiência de trabalhar numa sala com uma outra pessoa mas não nos falávamos, era horrível, é um silêncio ruim, aque incomoda. Aquilo foi me deixando doente.

Vilma disse...

Bete; claro, este versículo abrange não apenas as mulheres "razinzas", mas todos, e em que área fôr!
Um beijinho e espero que já te tenhas livrado de tal companhia... senão, olha, vai para o deserto!
ehehehhehehe

carmen disse...

Se o único lugar que o homem tem para sentir paz para ler o seu jornal é numa viatura... triste, muito triste, afinal a nossa casa deveria ser o nosso refúgio!!!
bjs

Marlene Maravilha disse...

Nao sei se é esta a razao de fazer com as pessoas se retirem para um momento seu, em particular. Eu parabenizo este senhor que pelo menos ali, no seu carro, encontrou o seu sossego.
beijo grande querida e um lindo final de semana!

HSLO disse...

Bela postagem...viu.


abraços

rui miguel duarte disse...

O carro, ou o deserto (um lugar isolado, ermo, que um carro também pode ser), é, para mim, o melhor lugar para retiro. Para ler e meditar, para orar. Os melhores momentos de adoração a Deus que tive foram no carro.
Vivam os carros!

Lou Mello disse...

Nesse caso, esse senhor está sem mulher, no momento. Homens idosos lendo dentro do carro é o indicativo. Quando o problema é uma mulher dura de engolir, é preciso mais, tal como ir para o bar e tomar todas, para depois encarar a megera. O que ele procura é uma mulher capaz de sentir ternura por um homem idoso lendo jornal dentro do carro, em pleno inverno. Essa é a mulher ideal.

neli araujo disse...

Vilma,

Gostei demais do teu post. Nunca tinha pensado nisto, que o homem está a fugir de uma mulher rixosa...

Sempre acharia que era um detetive particular, ou até guarda-costas, que fica de longe a observar...

Agora, se estiveres certa, que sirva para nós mulheres aprendermos a controlar a T.P.M, ou o mau humor decorrente da oscilação dos hormônios, hehehe

Ninguém merece uma mulher assim...

Agora, homem ranzinza também é demais, hehehe

carmen disse...

Vilma, tem meme para você lá no meu Blog
bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...