Este blogue não adoPtou o novo acordo ortográfico.

segunda-feira, 9 de junho de 2008

O que somos

Depois de 4 dias a sofrer as consequências de uma intoxicação alimentar, o meu marido depois de se sentir recuperado, diz:
- Já estou como novo. O corpo humano é mesmo diabólico!
- Divinal!!! - afirmei eu.

A resposta que dei, foi imediata. E fez-me pensar.
Muitas vezes usamos expressões, sem pensar no que estamos a afirmar com elas.
O caso desta, é uma delas.
O nosso corpo é uma maravilha do Criador. Nada tem de diabólico!
Todas as funções que temos, capacidades ... tudo é extraordinariamente maravilhoso.
Desde o respirar, até à forma como o corpo regenera e sara feridas, orgãos, etc.
O bater do coração, então, deveria deixar-nos sempre boquiabertos.
Perguntei a um médico cardiologista o que faz o coração bater, ao que ele me respondeu:
- Também eu gostaria de saber!
O cérebro é outro mistério para nós!
E apesar de estar sujeito às doenças, à velhice, ainda assim, nada lhe tira a beleza da marca divina nele.
Temos a assinatura de Deus impressa nele.
Mas mais do que o corpo, é a nossa vida que importa para Deus.
Somos importantes para Ele, não por causa do corpo, mas por causa de quem somos.
Cada ser humano é a sua obra prima e aos Seus olhos, não há ninguém imperfeito, deficiente ou diferente. Cada ser é único!
Para Ele, somos completos, somos significantes.
Jesus consumou tudo o que foi preciso para isso ser possível!
Somos nova criação em Cristo.
Ainda não vejo como serei, mas é assim que sou amada por Deus!
Porque tenho a Sua marca em mim!
Só isso já é razão mais que suficiente para eu amar e adorar o meu Criador.

5 comentários:

alealb disse...

é verdade...
grande mistério, pouco sabemos, mas é o suficiente pra louvarmos!! e muito!
:)
beijos,
alê

Ghernandes disse...

Nossas palavras tem poder, tiago 3:9-12 fala sobre a lingua e nosso corpo, feitura das mãos de Deus.
Deus é ilimitado mesmo
Deus abençoe
www.thepescador.blogspot.com

Lou Mello disse...

Seu texto em lembrou um pregador polêmico chamado Emmett Fox que morreu no ano em que nasci (1951). Ele dizia que Deus não lida com a deformidade, para ele tudo e todos são perfeitos, por isso a doença e os defeitos não existem na presença dele. É muito interessante pensar nisso. Ele convidava a todos a tentar ver as pessoas como Deus vê.

Vilma disse...

Lou: Também creio assim. Nós vemos ainda de maneira imperfeita, mas Deus nos vê com outro olhar: completos e perfeitos. Em Cristo!
Um abraçonq

Marlene Maravilha disse...

O importante é realmente saber que carregamos a sua "marca", o resto é louvor e adoracao. Que maravilha nosso Deus nao fazer diferencas!
beijo enorme e linda semana

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...