Este blogue não adoPtou o novo acordo ortográfico.

domingo, 25 de fevereiro de 2007

Saudade

Ai, se de saudade morrerei ou não
Meus olhos dirão de minha verdade
Por eles me atrevo a lançar nas águas
Que mostrem as mágoas
Que nesta alma levo
Se me levam águas, nos olhos as levo

As águas que em vão me fazem chorar
Se elas são do mar, estas de amor são
Por elas relevo todas as minhas mágoas
Que se força de águas
Me leva e eu as levo
Se me levam águas, nos olhos as levo

Todas me entristecem, todas são salgadas
Porém as choradas doces me parecem
Correi doces águas, que se a vós me elevo
Não dóem as mágoas
Que no peito levo
Se me levam águas, nos olhos as levo.

Mariza (clicar para escutar a sua voz belíssima)

Dedicado ao meu irmão, que adorava escutar a Mariza. E com ele aprendi a gostar também.

5 comentários:

Anna^ disse...

Um beijo grande minha querida.

dinorah disse...

É verdade, sim senhora!!
E que bom gosto sempre teve!

Um beijo enorme

Lou Mello disse...

Se não me engano, o fado é saudade.

Vilma disse...

Lou: Fado quer dizer "destino". É uma expressão de canto um pouco fatalista, em que envolve a saudade, o lamento, a nostalgia, o ciúme.
É algo muito tipico do povo português.. bem diferente do sambinha! :D

Tinoca Laroca disse...

Um grande BEIJINHO!
God bless you.
T.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...