Este blogue não adoPtou o novo acordo ortográfico.

segunda-feira, 3 de abril de 2006

Cantos e desafinos...

Ontem caiu por terra um desgosto que eu carregava: o de não ter voz para cantar.
Continuo a não ter ... mas depois de ontem sou mais feliz! Heheheheeh

A Igreja que congrego anda nos ensaios para a Páscoa. Entre várias coisas, vamos apresentar um cântico muito bonito, em que várias vozes se vão juntar para o apresentar.

E chamaram-me a mim. Eu disse: "Vocês ficam mais a ganhar se eu não entrar... olhem que eu sei!"

Mas apesar de todas as minhas tentativas em não entrar, lá me caçaram!

E a verdade é que no meio de tantas vozes, a minha mal se dá por isso.
Mas só o facto de me juntar com um grupo de amigos, para cantarmos as Boas Novas da Ressurreição, deixa-me ultra feliz.

Porque eu tinha um desgosto: quando tinha 10 anos, a Escola onde eu andava fez uma peça - A Bela Adormecida!
E todos foram logo unânimes em me escolher para o papel principal: loirinha, de olhos azuis. Era perfeita para o papel.
Só que ... ups! A peça era cantada!!!!
E quando vou fazer os testes da voz ... é ver a cara de desilusão de todos!!!
De imeditato fui despromovida de Bela Adormecida a Dama de Companhia!

Carreguei com este desgosto muito tempo (tou a brincar!!!), mas ontem apercebi-me de uma coisa mesmo:

Que não importa a voz que eu tenho.
Quando nos unimos a outros, tudo sai bem!
O trabalho de corpo, de equipa, é sempre algo bonito de ver!
Afinal, os desafinados também amam! Ou melhor, cantam... :))))

18 comentários:

pechanense disse...

Ainda bem que te livraste de mais um "trauma de infância" :))))

JOINCANTO disse...

Ainda bem que os Blogs não têm som...

Vilma disse...

Deus criou tanto so corvos como os rouxinois: no meio de tantos rouxinois, o canto do corvo não se dá por isso! :)))

Lou disse...

Eu sei do que você está falando (ou está a falar).

Anónimo disse...

Canta para ti se isso te dá prazer, mas não ROMPAS os timpanos de outros......rs
Bjks
Intemporal.blogs.sapo.pt

Vilma disse...

Intemporal: eu canto mal é certo, mas não chega a esse ponto! Os do meu marido ainda estão intactos e ele é que atura as minhas cantarolices! :D

Ana Rute Cavaco disse...

exagerada! estavas ao meu lado e cantaste bem. não te subestimes, rapariga!

Vilma disse...

Ana: és um amor! :))) Espera para um dia me ouvires a sós...!

JOINCANTO disse...

(Eu já sabia que estas "Batistonas" não tinham voz nenhuma...)
ahahahahah

framentosII disse...

Acho que estás a exagerar, conheço muita boa gente que diz que canta mal e não é assim, às vezes ode não dar para fazeres um solo, mas em conjunto cantam bem. E a união faz a força.
Boas Pascoa. Estou à espera da história do coelho e dos ovos.

Vilma disse...

Fragmentos: eu mando a história mas preciso do teu mail!

PESCADOR disse...

O bom do canto coral é que não são várias vozes cantando ao mesmo tempo, mas apenas uma voz que nasce da união de todos os componentes... paranbéns!!!

Avozinha disse...

Amiga! Vamos já arrolar-nos no coral do céu? Mas não digam nada aos nossos primos...

a sua vizinha disse...

Ai menina Vilma, eu também não sei cantar mas em coro lá vou um pouco melhor...
Venha até cá que cantamos as duas!

Marlene Maravilha disse...

Sabes minha irmã,
Eu te parabenizo mesmo com a voz que achas que tens! Deus te deu e podes, com certeza, aprimora-la com muitos recursos hoje. Sei que farás sucesso no meio da equipe.
Eu só tenho metade do véo palatino e ainda ouso levantar a voz junto ao meu violão e dar graças a Jesus pela voz que Ele me preservou após o cancer de garganta. Agora tenho vontade de fazer aulas de canto orfeonico para aprender a usar o diafragma e por o som pra fora. Depois te conto no que deu isso!
Louve. Somente louve.
beijos

Paula disse...

Humm... continuo a dizer que acho que tás a ser modesta... mas..... veremos... se não se partirem vidros na páscoa é bom sinal... hihihi

Tinoca Laroca disse...

AMEN!
Benditos os que têm voz, porque podem sentir a alegria de desafinados ou não, participar nos canticos dirigidos ao nosso Jeová-Deus!
Quantos mudos não queriam fazê-lo?
Quantos mudos não o fazem por gestos, e, ainda assim gesticulam sua boca, ainda que nada saia?
Preocupamo-nos muito com o tom. Pouco com o que na realidade interessa....
(já se viu que sou desafinada, 'né? hehehe)
Bjs.
T.

kikas disse...

Quando fazemos as coisas por Amor...tudo sai bem!
Canta até que a voz te doa :-), pois quem canta seus males espanta!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...