Este blogue não adoPtou o novo acordo ortográfico.

segunda-feira, 2 de janeiro de 2006

Toque ... uma expressão de Amor!


Gosto muito de tocar. Gosto muito de abraçar, fazer uma festa no rosto das pessoas que amo e dos amigos. O toque é uma expressão de amor.
Nem todo o ser humano é aberto ou sensível ao toque, mas creio que ele é importante para nos sentir-mos queridos, amados, aprovados e até curados. De dores da alma e coração!
Uma das coisas que me sensibiliza muito quando leio os evangelhos, é ver quantas pessoas Jesus tocou com as suas mãos.
Com o poder que Ele tinha, não precisava de tocar nelas para as curar. Uma palavra dele seria suficiente.
Mas Jesus quis ir além disso.
Ele quis tocar nas pessoas, movido por um amor imenso, um amor que transcendia até a Lei judaica, que não permitia tocar em mulheres com hemorragia, em leprosos, em mortos...
Jesus curou e expressou a Sua compaixão por meio do toque, pois através desse gesto Ele transmitia empatia, afeição, cura e aprovação.
E penso em como hoje há tanta carência desse tipo de toque.
Como já fui tocada pelo amor imenso de Jesus, aquilo que mais amo fazer é alcançar outros com o mesmo toque. O toque de Deus...
Com um abraço, com um aperto sincero na mão, com um carinho no rosto e até, com uma palavra amiga, de encorajamento, de conforto ...
Não há melhor maneira de sentir as batidas do coração de uma pessoa do que enlançando-a num abraço amigo ou ver o sorriso no rosto depois de uma palavra certa na ocasião oportuna!
E para quem aqui passa e não pode sentir o toque do meu abraço, que as minhas palavras possam de alguma forma, ao longo do novo ano, tocar os vossos corações.
E toquem muito ... toquem outros ... os tempos são frios de amor e de toque!
Não se deixem esfriar!
:)))))

10 comentários:

Paula disse...

Vilma, gostei muito do post. Mesmo sem te conhecer pessoalmente, engraçado que sempre te imaginei uma pessoa que gpsta de tocar, abraçar. E isso deve caracterizar-nos... até pq Deus estabeleceu algumas coisas através do toque ;)
Beijinhos grandes!

Jasmim disse...

:o)

Eliot D. Chambers disse...

É verdade, Vilma...

Uma abraço bem dado, no momento certo, vale mais do que algumas sessões de terapia.Já tive experiências bem interessantes em relação a isso.

Bjo do Eliot.

Pdivulg disse...

Toquem mas não com as mãos frias... ;-)

Flor disse...

Como tu adoro tocar quem me rodeia, mesmo se em momentos da minha perdi esse gesto..
Estou de novo a redescobri-lo
Adorei teu post
Beijo

Lagoa_Azul disse...

Me resta te dar um abraço bem apetado, com os desejos do novo ano com Deus a nos acompanhar...
Um abraço :o)

jaime fernandes disse...

Vilma, obrigado pelo toque deste post. Um abraço!

Vítor Mácula disse...

Cara Vilma.

Que maravilha!

É claro que é a integralidade da pessoa que é tomada pelo amor, corpo e actos incluídos. Sorrir, dar a mão, abraçar, etc, faz e exprime por vezes tanto mais do que rios de palavras, palavras, palavras.

Um grande abraço de quem “sentiu” o toque do teu abraço.

Vítor Mácula disse...

Ah, é verdade e caramba: bom ano, bom ano, bom ano!

dinorah disse...

Quem sabe o valor de um abraço é uma pessoa rica!!

Um abraço forte para ti, minha querida!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...