Este blogue não adoPtou o novo acordo ortográfico.

terça-feira, 18 de janeiro de 2005

Zombi!!!

Hoje estou zombi! A noite foi passada praticamente em claro, a vigiar a febre da minha pequenina. Vejo-a, desesperada com dores, porque aqueles terríveis molares estão a rasgar a sua carne. Ela rebola-se, impaciente, sem saber em que posição estar. E eu ali, a vigiar, atenta. Se pudesse, ficava com a sua dor.
Depois ela quer colo. Eu deito-a comigo, por cima de mim. Mais tarde ela escorrega e fica agarrada a mim, do meu lado, de vez em quando olhando para mim, mas mais sossegada.
Não dormi, é certo. Confesso que estou desgastada fisicamente, claro. Mas aquilo que me une a ela nestes momentos é tão forte, que apesar do cansaço, estou feliz, porque ela encontra em mim o sossego que também precisa.
Depois dou por mim a pensar em coisas... a minha cabeça não pára... e penso: afinal, não foi isso que Deus fez? Ele não carregou sobre Si as minhas dores? Quando eu, um ser humano falivel e imperfeito sinto isso em mim, desejar carregar a dor da minha filha, quanto mais Deus, que é perfeito, amoroso, não o faria por nós. E pensei: ainda bem que Ele o fez! E passo a compreender, a experimentar mais um pouco a dimensão tremenda do amor de Deus.
É assim que Ele me fala, a mim e a cada um de nós. É só preciso estar atento aos detalhes, aos instantes da vida....

6 comentários:

Someone Here disse...

Ai malditos dentes que não descanso a aos lindo bébés!! Espero que ela fique bem depressa e que os miminhos da mamã ajudem muito. Beijocas...

Anónimo disse...

Sim, à uma da tarde consigo concordar com tudo o que escreves, às 4 da manhã é mesmo muito mais dificil de pensar no que quer que seja.

( mas é óptimo quando se calam ao nosso lado, é um reconforto muito grande. Quase uma recompensa de todos os nossos sacrifícios e do amor)

Ana Rute Cavaco

Ana Rangel disse...

Concordo, é preciso estar muito atenta a todos os detalhes...
Costumo dizer isso quando ouço alguém pedir mais e melhor e pergunto se, por um acaso, já Lhe agradeceu tudo o que tem... ;)

Beijinhos fresquinhos do outro lado do Atlântico!

Anónimo disse...

È de facto muito cansantivo passar assim uma noite em claro, mas acho que poderes ver o amor da tua filhota e a necessidade que ela tem do teu amor e carinho, compensa esse cansaço.
Beijinhos da anónima Lúcia

Margarida Atheling disse...

Acredito que te sintas esgotada. E até triste pelo sofrimento da pequenina Vitória.
Mas é destas coisas, da presença e do apoio dado nos momentos menos bons, que se controem as relações, especialmente as do tipo mãe-filha.
Ela vai recordar a tua presença nestas alturas dolorosas e vai crescer segura do teu amor e da tua presença sempre que a vida o exigir.
Bjs, e as melhoras da Vitória!

xilileca disse...

Com miminhos, colinho, paciência e claro, uns medicamentos, fica como nova!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...